Salmo messiânico

“Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste? Por que se acham longe de minha salvação as palavras de meu gemido?” (Salmos 22.1)

O gloriável nome do Senhor

“Uns confiam em carros de guerra, e outros, em seus cavalos; nós, porém, invocaremos o nome do Senhor, nosso Deus.” (Salmos 20.7)

O Deus criador

“Os céus proclamam a glória de Deus, e o firmamento anuncia as obras das suas mãos.” (Salmos 19.1)

O Deus libertador

“Eu te amo, ó Senhor, força minha. O Senhor é a minha rocha, a minha fortaleza, o meu libertador; o meu Deus, o meu rochedo em que me refugio; o meu escudo, a força da minha salvação, o meu alto refúgio.” (Salmos 18.1-2)

O protetor eterno

“Guarda-me como a menina dos olhos; esconde-me à sombra das tuas asas. Protege-me dos perversos que me oprimem, dos inimigos que me assediam de morte.” (Salmos 17.8-9)

O Deus eterno, o meu tesouro

“Guarda-me, ó Deus, porque em ti me refugio. Digo ao Senhor: “Tu és o meu Senhor; outro bem não possuo, senão a ti somente.” (Salmos 16.1-2)

O cidadão do céu

“Senhor, quem habitará no teu tabernáculo? Quem poderá morar no teu santo monte?” (Salmos 15.1)

A corrupção e a redenção do pecador

“Quem dera que de Sião viesse já a salvação de Israel! Quando o Senhor restaurar a sorte do seu povo, Jacó exultará e Israel se encherá de alegria.” (Salmos 14.7)

Temor e confiança

“Quanto a mim, confio na tua graça; que o meu coração se alegre na tua salvação. Cantarei ao Senhor, porque ele me tem feito muito bem.” (Salmos 13.5-6)

Auxílio e proteção

“Por causa da opressão dos pobres e do gemido dos necessitados, eu me levantarei agora”, diz o Senhor, “e porei a salvo aquele que anseia por isso.” (Salmos 12.5)

AllEscortAllEscort